Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2012

PIRRO NEGRO NA BASTILHA BRANCA

Chego à Brasília, como sempre dia frio e seco como nos ensina a ser por aqui. Aliás, tudo ao contrário acontece neste lugar - às escondidas. Um mundo dilacerado e hipócrita se esconde por entre as quatro paredes, o teto e o piso que acobertam pecados, desejos e falcatruas na capital da república do Brasil. Nós também somos parte disso. Parte de uma nação que fala uma coisa, escreve outra e faz outra completamente diferente. Aprendi desde cedo que aos mais velhos não se diz nada contra suas palavras e gestos. Entretanto, surge um nó na garganta: onde estão os nossos velhos líderes negros? O que eles estão a fazer? Converso com uma, esta me diz que está cansada; Converso com outro, este me diz que vai cuidar de ganhar dinheiro e, mais adiante, mais outro e ouço que estamos vivendo a revolução que tanto sonhávamos. Temo não me deixar embriagar pelo mais repentino e superficial desejo de me sentir realizado com a limitada política republicana, institucionalizadora de totalidades. Evito …